Asfixia Social lança álbum “Bleeding in the Sun” – um chamado por mudanças globais

A banda Asfixia Social acaba de lançar o álbum, “Bleeding in the Sun”, pelo selo Marã Música. O novo trabalho, que já está disponível em todas as plataformas digitais, chega em um momento de crises globais e estabelece um diálogo entre as ruas do Brasil e do mundo, enquanto a banda vem conquistando espaço no cenário internacional.

“Bleeding in The Sun” é um testemunho da jornada internacional do Asfixia Social, trazendo letras em vários idiomas, refletindo sua recepção calorosa em turnês no exterior. Segundo a banda, “o mundo está em crise, e o novo álbum é uma das formas de cultivar e propagar nossos meios de resistir nos quatro cantos do planeta”.

- Publicidade -

Para a banda, ‘“Bleeding in the Sun’ é o primeiro da nova formação com Thiko (guitarra) e Barba (bateria), além do Leo (baixo) e Kaneda (vocal/metais), em qua banda buscou uma atmosfera mais descontraída em meio ao caos cotidiano, e isso gerou um disco muito real, em que o público vai se identificar e levar adiante essa energia reflexiva mas ao mesmo tempo explosiva”.

A sonoridade diversificada de “Bleeding in the Sun” é reflexo da mistura musical que o Asfixia Social vem propondo. Com elementos de punk, rap, ska, funk, reggae, metal e dub, o álbum chega com um caldeirão de influências. Participações especiais, como do Selectah Carlos PXT (Tequilla Bomb), do vocalista Joe Keithley da banda canadense D.O.A., e da talentosa cantora inglesa Sahala Larnyoh, enriquecem ainda mais a mistura sonora.

As composições do álbum são fruto de uma colaboração orgânica entre os membros da banda. “A maioria das músicas surgiu em cima dos riffs, melodias e letras que cada um dos integrantes já tinha anotado anteriormente”, compartilhou a banda. “Costumamos experimentar diferentes caminhos até que a própria música diga pra onde tem que ir”.

“Sangrando no Sol” (“Bleeding in the Sun”) é o grito de resistência do Asfixia Social, um manifesto pela vida na Terra em meio às adversidades do mundo contemporâneo. “O sol não arde pra todos da mesma forma, sabemos bem, mas dia mais ou dia menos vamos todos pagar pelas atrocidades que estão sendo cometidas no mundo”, destacam.

A expectativa para o lançamento de “Bleeding in the Sun” é grande, com a banda embarcando para mais uma turnê pela Europa em junho de 2024 – o Asfixia Social vai tocar em alguns festivais e casas de show importantes na Alemanha, Holanda, Portugal e Inglaterra. O grupo conta também com a chegada do saxofonista Jahya, que tem acompanhado a maioria dos shows e é um grande amigo da banda, fundamental nas apresentações ao vivo.

- Publicidade -

Além disso, o videoclipe da faixa “Electromagnetic” já está disponível no canal oficial da banda no YouTube, promete levar os fãs a uma jornada visual que contempla o ambiente de experimentação deste novo álbum do Asfixia Social. A produção musical foi feita pelo Pedro Garcia, baterista do Planet Hemp, grande influência para a banda, e o audiovisual é dirigido por Diego Marcos, com a atuação dos integrantes da banda em um cenário que retrata os efeitos nocivos da poluição sonora, o impacto das frequências eletromagnéticas geradas pela tecnologia e que influenciam no comportamento das pessoas. “Ao mesmo tempo, retrata a importância da música para nós do Asfixia Social para fazer esse enfrentamento e espalhar nossa mensagem de contestação e novas possibilidades, de vida, de música, de frequências, caminhos e misturas. Então é um clipe que retrata bem o ambiente de criação e atuação da banda”, refletem os integrantes.

Ao longo de sua trajetória, o Asfixia Social conquistou reconhecimento internacional, participando de festivais e eventos culturais em diversos países. O compromisso com a música e o ativismo social vem rendendo à banda diversos prêmios, além de fãs por todo o Brasil e exterior.

Compartilhe este artigo
Jornalista e assessora de imprensa. Trabalha na área do entretenimento há mais de 6 anos e é apaixonada pela comunicação.