Búzios recebe 2ª Edição da Feira Cultural Quilombo de Baía Formosa

Entre os dias 19 e 21/04 acontece a 2ª Edição da Feira Cultural Quilombo de Baía Formosa, na Praça Santos Dumont, no Centro de Armação dos Búzios, na Região dos Lagos. O evento reúne música, gastronomia, moda, artesanato, capoeira, ciranda e performances, tudo com entrada gratuita.

Realizada no feriadão de São Jorge (comemorado no dia 23/04) a programação conta com a venda de pratos gastronômicos, artesanato e moda, além de muito samba com atrações convidadas.

- Publicidade -

O evento é um desdobramento do plano de sustentabilidade da Associação dos Remanescentes do Quilombo de Baía Formosa, construído com apoio das Nações Unidas. “Em 2021, participamos e fomos premiados em um edital promovido pelo Ministério dos Direitos Humanos em uma parceria com a Organização das Nações Unidas para pensar o fortalecimento institucional. A 2ª Edição da Feira é uma conquista e a prova de que estamos em um bom caminho”, afirmou Ricardo Bemquerer, presidente da Associação dos Remanescentes do Quilombo de Baía Formosa.

A Feira vai acontecer das 17h às 23h e vai promover a venda de pratos preparados pelos quilombolas, como feijoada tradicional e feijoada de frutos do mar, além da apresentação de grupos de samba convidados, da Ciranda Quilombola e de artistas locais.

Dia 19/04, dia da abertura da Feira, o destaque fica por conta de Tiago do Bandolim e Afrochoro com o show “Corta Jaca”, uma mistura sonora que reúne o chorinho brasileiro com ritmos africanos e latinos, a partir das 20h.

Já no dia 20/04, com mais de 30 anos de estrada, quem comanda a noite é o tradicional grupo Candongueiro, uma das maiores referências do samba no Brasil, com o lançamento do show “Puxando Conversa”, às 20h.

Fechando o evento, dia 21/04, as poderosas mulheres do grupo Moça Prosa fazem o show “No Mesmo Manto”, uma linda homenagem aos 80 anos de Jovelina Pérola Negra, também a partir das 20h.

- Publicidade -

A Feira Cultural Quilombo de Baía Formosa conta com a apresentação do Governo Federal, Ministério da Cultura, Governo do Estado do Rio de Janeiro, Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro, através da Lei Paulo Gustavo. Conta também com o apoio da Prefeitura Municipal de Armação dos Búzios, através da sua Secretaria Municipal de Cultura e Patrimônio Histórico e da Coordenadoria de Igualdade Racial. A produção é do Realize Cultura e a realização é da Associação dos Remanescentes do Quilombo de Baía Formosa.

A classificação etária é livre, a entrada é gratuita e a Praça Santos Dumont fica no Centro de Búzios.

Compartilhe este artigo