Crianças que se destacam em esportes olímpicos estão na mira das grandes marcas

No Breaking B-Girl Angel do Brasil, de apenas 13 anos é um grande nome da nova geração

Que o esporte é uma das coisas que mais vendem e chamam atenção, que muda vidas, corpos, situações, que transita na esfera das emoções, às vezes liberando sorrisos, outras vezes lágrimas, que escreve histórias de vitórias, conquistas, derrotas, lutas e superações não há dúvidas. Por isso, não é de se estranhar que o setor financeiro, assim como outros setores estejam cada vez mais de olho e interessados em unir suas marcas a grandes histórias que causam paixão em diferentes torcedores por todo o mundo. No caso dos novos esportes olímpicos como Skate, Escalada, Surf e agora o Breaking, não é diferente. Com estas novas modalidades, os Jogos de Paris esperam ter uma comunicação com o público mais jovem e conectá-los ao grande evento esportivo. Entre os atletas, têm se tornado cada vez mais comum casos de crianças esportistas, cada vez mais novas, porém com alto rendimento, fechando acordo de patrocínio com grandes empresas. Antes, no passado, esses episódios não eram tão comuns.

Hoje, no mundo das marcas, a disputa é enorme por esses pequenos grandes talentos em muitos esportes! Tem acontecido um verdadeiro mapeamento desses nomes! Exemplo do passado no Skate foi a medalhista mais jovem da história do Brasil, Rayssa Leal, que aos 13 anos subiu ao pódio após o incrível desempenho que teve nas Olimpíadas de Tóquio.

- Publicidade -
B-Girl Angel – Imagem Divugação

 

No Breaking, nova modalidade olímpica de Paris 2024,  outro nome que também vem chamando atenção da imprensa e das marcas  com  apenas 13 anos e tem sido destaque tendo bons resultados nas competições oficiais , é Chaya Gabor mais conhecida como  B- Girl Angel do Brasil  que já coleciona vários títulos e recentemente esteve entre os primeiros lugares no Mundial do Gymnasiade e no Campeonato Brasileiro de Breaking feito pelo Conselho Nacional de Dança Desportiva (CNDD), a menina em 2019 ficou em 2° lugar no E-fizer Montpellier na França junto com a equipe brasileira, e em 2023 assinou  contrato de patrocínio com a Brasilprev, empresa especializada em previdência privada.  De poucas palavras, discreta na forma de chegar nos eventos, mas com muita atitude nas competições, rápida nos movimentos, ela é dona de uma personalidade forte, na cena tem fama de “Braba”, o Breaking para ela não é um hobby, um passatempo, mas sim a sua vida! Guerreira desde que nasceu, pois foi uma prematura extrema de 850 gramas, a menina, que é carinhosamente chamada por seu treinador de “Senhorita Power Move”, pelo talento  em assimilar os movimentos acrobáticos,a Atleta  faz parte do BrasilPrev time. No mesmo ano também foi Bicampeã do Breaking Combate. Angel é um dos grandes nomes da nova geração do breaking brasileiro que está sendo trabalhada para os próximos Jogos da Juventude de 2026 e para as competições esportivas nacionais e internacionais.

Para Camilo Buzzi, diretor comercial e de marketing da Brasilprev, apoiar o Breaking e atletas tão novos como a Angel é uma oportunidade de contribuir para o desenvolvimento desse esporte no Brasil. São dele as palavras: “Quando falaram do Breaking achei legal, recebi uma verdadeira aula para entender como era essa cultura que virou um esporte. Considero uma responsabilidade enorme para esses atletas que representam essa nova modalidade olímpica. Tudo deve ser encarado da melhor maneira, pois são atletas muito jovens! A Brasilprev gosta muito de apoiar a cultura e o esporte, isso faz parte da filosofia da empresa, acreditar no presente e escrever o futuro junto com artistas e atletas. Nos sentimos muito felizes com esse patrocínio e com a criação do Time de Breaking da Brasilprev”. Além do patrocínio, a Brasilprev pretende tem um hub, que trás conteúdo periódico de Breaking e que ensina de uma forma didática o que é o Breaking, como se analisa, quais são os critérios, além de contar a história rica desse elemento da Cultura Hip-Hop que hoje também é esporte!

B-Girl Angel – Imagem Divugação

E para quem não conhece a nova modalidade olímpica, o Breaking  nasceu nos anos 70 e foi criado pelas comunidades negras e latinas com o objetivo de pacificar disputas territoriais na região. Os jovens logo começaram a se distanciar das gangues de rua e a violência deu lugar às batalhas entre as crews, grupos de dançarinos que juntavam suas habilidades em disputas para definir quem apresentava os movimentos mais espetaculares. DJs como Kool Herc, Grandmaster Flash e outros organizavam festas de rua em seus bairros e tocavam duas cópias do mesmo disco, mixando para prolongar a parte de breakdown das faixas. Nessas horas, as pessoas que corriam para a pista dançavam de uma maneira tão particular que ganharam termos próprios, breaking-boys e breaking-girls, mais tarde encurtados para B-Boys e B-Girls. Esses breakers saíram das ruas, atravessaram continentes, conquistaram o mundo, chegaram nos cinemas, nos grandes eventos, no Carnaval recentemente foram lembrados pela Escola de Samba Paulistana VAI VAI, deixaram pessoas que assistiram suas danças de boca aberta, atraíram grandes marcas e as emoções não acabam este ano vão brilhar no maior evento esportivo do planeta: as olimpíadas!

É de B-Girl Angel, as palavras: “Estou muito feliz com o patrocínio da Brasilprev, com as conquistas que tive e com tudo que vem acontecendo. A minha geração está vivendo algo que outras gerações lutaram muito para ter! Acredito que além da Cultura, como um Esporte Olímpico, o trabalho começa cedo e vem da base. Ser campeão é uma consequência de um trabalho bem-feito de uma vida inteira de treino e dedicação. Tive sorte de começar com 4 anos. Sou a mais nova do Brasilprev Breaking Team e me sinto privilegiada por ter essa oportunidade, por ter empresas que acreditam na nova geração e nesse esporte!

- Publicidade -

Lu Mazza

Street House

Fotos: LuMazza e The Sarará

Compartilhe este artigo
Segue:
A ImprensaBr é um portal de notícias que fornece cobertura completa dos principais acontecimentos do Brasil e do mundo.
Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *