Cynthia Luz inicia as comemorações dos seus 15 anos de carreira e de seu aniversário com o single “Meus Olhos”

De Peterson Carvalho - Editor

2024 é um ano muito importante para Cynthia Luz. Isso porque a artista, que começou no rap e hoje já alcança um estilo totalmente próprio – com elementos de MPB, pop, entre outras referências – celebra 15 anos de carreira. E para “abrir os trabalhos” deste novo ciclo de comemorações, a artista lança, no próximo dia 12 de janeiro (data de seu aniversário), o single “Meus Olhos”, que poderá ser ouvido em todas as plataformas de streaming, via ONErpm.

Ouça “Meus Olhos”

- Publicidade -

A nova faixa destaca essa versatilidade musical da cantora, explorando nuances que flertam com o pop, mas sem perder a essência do boombap, parte essencial da caminhada da artista até aqui. O single, tanto quanto todo o projeto para 2024 vem com uma veia intimista, onde Cynthia olha um pouco mais para si mesma e traz suas reflexões sobre os mais variados assuntos.  

No caso de “Meus Olhos”, a artista passa sua visão sobre relacionamentos e também sobre saúde mental dentro de uma vida a dois: “Entendo que as pessoas queiram se sentir amadas, mas seria incrível se soubéssemos o valor e o peso que há em viver uma troca tão avassaladora. Essa música fala de esgotamento emocional, mas também fala de amor forte e fala de entrega de alma pra um sentimento único, que faz a gente se transformar, seja ele qual for. E que estamos em paz quando quem amamos está perto dos nossos olhos. Ela fala de quando provamos o sabor doce e amargo de um amor verdadeiro e pra vida”, destaca a artista.

A fala de Cynthia vem de encontro com a última estrofe da música, onde é destacado o amor, mas também a necessidade do autocuidado: Eu vou admitir, preciso passear, ficar perto de mim, tentar me aproximar/Da minha velha ideia/Olhando sempre pra um futuro bom/Dizendo quando é forte se entregar de coração/Amando, apaixonando, se beijando no verão/Correndo do passado, correndo da ilusão.

“Meus Olhos” tem produção de Paiva, além de André Nine – que também assina a captação e mixagem – e masterização de Brendan Duffey. 

- Publicidade -

Meus Olhos
(Cynthia Luz/André Nine/Caio Barbosa de Paiva)

É um Flerte
É um Blefe, é o fim desse caminho
Novos tempos
Novas faces Indecisas

De que lado mora o alívio
Proteção pros filhos
Uma canção de amor
Pra te fazer lembrar

Teu lugar
Tão perto dos meus olhos
É tua toda minha atenção
Me de a mão e saiba
Que eu vou estar aqui
Eu vou estar aqui
Tão perto dos seus olhos

Eu provei a flor de maracujá
Me deixou muito leve eu fui viajar
Senti a sensação da natureza
Amor não é mistério é gentileza

- Publicidade -

Minha mala tá tão cheia
Mas sinto o coração tão frio
O Sentimento é uma certeza
As vezes esse é o caminho

Teu lugar
Tão perto dos meus olhos
É tua toda minha atenção
Me de a mão e saiba
Que eu vou estar aqui
Eu vou estar aqui
Tão perto dos seus olhos

Eu provei a flor de maracujá
Me deixou muito leve eu fui viajar
Senti a sensação da natureza
Amor não é mistério é gentileza

Eu vou admitir, preciso passear, ficar perto de mim, tentar me aproximar
Da minha velha ideia
Olhando sempre pra um futuro bom
Dizendo quando é forte se entregar de coração
Amando, apaixonando, se beijando no verão
Correndo do passado, correndo da ilusão

Compartilhe este artigo
Segue:
Web designer e entusiasta da internet desde 1998, apaixonado por criar soluções inovadoras e eficientes para a web.
Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *