Espetáculo “Capiba, pelas ruas eu vou”, do Aria Social, retorna nesta quinta-feira no Teatro RioMar

Neste mês de março, o espetáculo “Capiba, pelas ruas eu vou”, do projeto Aria Social, retorna aos palcos recifenses, com a abertura da temporada de 2024 nesta quinta-feira, dia 14 de março, às 20h, no Teatro RioMar, localizado no RioMar Recife. O musical que conta a história do compositor pernambucano Lourenço da Fonseca Barbosa já foi visto por mais de 10 mil espectadores.

O espetáculo conta com 45 bailarinos-cantores do Aria Social e 19 músicos em cena, que apresentam a história de Capiba, unindo música, dança, canto, teatro, fotografia e cinema. Ele foi concebido a muitas mãos com o objetivo de valorizar a rica e plural cultura pernambucana e estreou em 13 de outubro de 2022, marcando os 30 anos do Aria Social. O projeto atende mais de 588 crianças e jovens em situação de vulnerabilidade social, transformando vidas por meio da arte, com aulas de dança e música no bairro de Piedade, em Jaboatão dos Guararapes, zona sul da Região Metropolitana do Recife.

- Publicidade -

“Capiba, pelas ruas eu vou” apresenta a trajetória do menino nascido em Surubim, no Agreste de Pernambuco, durante cerca de uma hora de espetáculo. Os frevos dos anos 30, as valsas apaixonadas, os sambas, maracatus, ciranda, marchas e ópera são alinhavados em exibições de dança, teatro e música ao vivo – incluindo uma orquestra de câmara -, entrelaçadas por projeções de cinema e fotografias.

Os ingressos custam a partir de R$ 25 e podem ser adquiridos no site do Teatro RioMar e na bilheteria do teatro.

Aria Social

O Aria Espaço de Dança e Arte foi criado em 1991 pela bailarina Cecília Brennand com o objetivo de abrigar e integrar todas as artes e contribuir para sua democratização cultural. Em 2004, foi transformado em Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (Oscip), tipo de instituição sem fins lucrativos, e passou a se chamar Aria Social. Com ênfase na formação completa de bailarinos-cantores, na introdução ao universo musical e ao empreendedorismo, o Aria Social produziu 16 espetáculos e já garantiu a 10 mil crianças, jovens e seus familiares acesso a oportunidades com grande potencial de transformar suas vidas.

O projeto tem como missão promover a transformação humana através da arte-educação, oferecendo a formação e profissionalização na música e na dança a 588 crianças e jovens em situação de vulnerabilidade social. Além de apoiar as famílias desses alunos, oferecendo capacitação em técnicas de artesanato e fomentando o empreendedorismo social a 140 mães artesãs, por meio do projeto Casa de Maria, fundado em 2017.

- Publicidade -
Compartilhe este artigo
Segue:
Jornalista há mais de 20 anos, com experiência em redação, em diversas editorias, assessoria de imprensa, produção de conteúdo, produção e apresentação de podcast e comentarista em canal independente no YouTube