Lamparina mergulha no pop brasileiro e atemporal para apresentar o novo single “De Novo”

(Foto: Sarah Leal)

Como um segundo ato do último disco, Original Brasil, lançado em outubro de 2023, a faixa é a primeira apresentada da versão Deluxe do álbum

[ouça “De Novo” aqui]

“O puro suco da brasilidade pop”, é assim que a Lamparina resume o seu novo som, “De Novo”. Com elementos do afrobeat nas viradas de bateria e uma baita construção das guitarras, o grupo mineiro criou mais um pop sobre amor, mas com um tempero bastante diferente. A banda formada por Cotô Delamarque, Marina Miglio, Calvin Ferreira, Stênio Galgani, Bino e Thiago Groove vasculhou os primórdios do pop brasileiro para apresentar uma canção nostálgica – tanto para o público que cresceu nos anos 2000, quanto para os fãs de seu último álbum, Original Brasil (2023). “De Novo”  chega às plataformas digitais no dia 04 de julho, às 21h

Como um desdobramento dos experimentos musicais do último disco do grupo, “De Novo” mescla uma sonoridade bem pop e dançante com uma composição mais reflexiva, sobre as contradições de uma relação. “Essa música nasceu no violão, bem baseada no elemento estético brasileiro com um afrobeat. Queremos que um gringo ouça a faixa e logo perceba que isso é um som brasileiro”, conta Cotô Delamarque, guitarrista do grupo. 

O clima leve e nostálgico do single é trilha sonora para uma narrativa que aborda uma relação calejada por erros sucessivos e sustentada por memórias do que já foi no passado. “Na letra, trazemos uma figura de linguagem sobre o ‘jogo’ presente nas relações. Como o processo de esperar que você ou a outra pessoa consigam, enfim, melhorar em algum aspecto que foi prometido, mas todos sabemos que seres humanos não são uma matemática exata. Quer dizer, a gente avança e retrocede a todo momento. Então as expectativas nos tornam jogadores em um jogo que não tem vencedor”, explica a vocalista Marina Miglio.

Para a alegria dos fãs, “De Novo” vem abrindo os caminhos para um segundo ato da era Original Brasil, com uma versão Deluxe ‒ ou, como apelida a banda, De Luxo. A nova leva de canções enaltece a estética brasileira e avança em direção a uma sonoridade ainda mais pop. “A versão ‘De Luxo’ traz uma roupagem mais futurista e dançante e, nesse sentido, já começamos com uma música que tem um mergulho maior dentro desse universo de música pop brasileira”, adianta Cotô.

Ouça “De Novo” aqui. 

Letra 

“De Novo”

De novo vem me dizendo tudo o que eu já sei

De repente, quer porque quer tudo que eu não quero mais

Será que quando eu saio você acha ruim?

E nem me fala

E nem me chama mais

O que machuca é o silêncio, você sabe bem

Mas eu não 

Eu não sei

Ah, meu amor

Eu não gosto de jogar um jogo

E se quiser brincar, tô nem aí 

Mas não vou te esperar de novo

(2x)

De novo, de novo, de novo, de novo, de novo

De novo, de novo, de novo, de novo, de novo

Uh uh uh uh uh uh

Será que quando eu saio você acha ruim?

E nem me fala

E nem me chama mais

O que machuca é o silêncio, você sabe bem

Mas eu não 

Eu não sei

Ah, meu amor

Eu não gosto de jogar um jogo

E se quiser brincar, tô nem aí 

Mas não vou te esperar de novo

(2x)

De novo, de novo, de novo, de novo, de novo

De novo, de novo, de novo, de novo, de novo

Uh uh uh uh uh uh

 

Ficha Técnica

Realização: MacacoLab

Produção: Cido 

Mixagem: Guigo Berger

Assistência de mixagem: José Miziara

Masterização: Felipe Tichauer

Composição: Cotô Delamarque

Intérprete: Lamparina

Gravada em: Estúdio Lamparina

Selo: MacacoLab

Direção Geral: Carol de Amar

Produção executiva: Catarina Capelossi

Projetos: Áurea Amorim 

Comunicação e Marketing: Caê Aiman, Camila Meira, Joyce Loyola e Nicolas Mudo

Compartilhe este artigo