Português Da Costa perde vitória na etapa de Misano da Fórmula E

O piloto português António Félix da Costa, da equipe TAG Heuer Porsche, que havia conquistado a vitória no sexto E-Prix da décima temporada do Campeonato Mundial ABB FIA Fórmula E, foi desclassificado da corrida realizada no último sábado (13) no Circuito de Misano, em Rimini, Itália, perdendo, consequentemente, os 25 pontos que havia conquistado.

Após uma investigação da FIA – Federação Internacional de Automobilismo, foi constatado que da Costa cometeu uma violação técnica. Os comissários identificaram um problema com a mola do amortecedor do acelerador, que não estava em conformidade com as regulamentações da categoria dos carros elétricos.

- Publicidade -

Como consequência, os carros que estavam atrás de da Costa na classificação original da corrida foram promovidos em uma posição, resultando na herança da vitória para o britânico Oliver Rowland (Nissan). A equipe TAG Heuer Porsche Formula E expressou sua intenção de recorrer da decisão e tem um prazo de 96 horas para confirmar tal recurso.

A investigação revelou que a mola do amortecedor do acelerador não estava em conformidade com as regulamentações estabelecidas. O gerente da equipe e o representante do fabricante afirmaram que não houve alterações nesta peça desde o início da nona temporada. Embora a peça estivesse devidamente lacrada e selada conforme o protocolo, não constava na lista oficial de peças do carro, conforme especificado pela Spark, fornecedora dos componentes.

Conforme o Regulamento (Artigo 1.3.3 do Código Desportivo Internacional), é responsabilidade do competidor garantir a conformidade do carro com as regras, independentemente de haver ou não vantagem de desempenho. Em vista disso, a desclassificação de da Costa foi decretada, com os pilotos subsequentes na classificação avançando uma posição.

Lucas di Grassi (ABT Cupra) herdou uma posição e marcou seu primeiro ponto na temporada de 2024 da Fórmula E. Já Sérgio Sette Câmara (ERT Formula E Team) terminou em 16º lugar em Misano.

Os pilotos retornarão à pista de Misano para a próxima corrida às 10h, com transmissão ao vivo pela TV Band e pelo Grande Prêmio. Com 26 voltas programadas, a corrida promete proporcionar mais emoção aos competidores.

- Publicidade -

Foto: Formula E

Compartilhe este artigo
Katarine Monteiro é jornalista especializada em esportes olímpicos e em saúde. Com cobertura de grandes eventos internacionais, como Jogos Pan-Americanos em Lima 2019, Qatar Total Open 2020, Qatar ExxonMobil Open 2019 - tênis em Doha (QT), Semana de Vela de Ilhabela, Transat Jacques Vabre 2019 (França-Brasil), L'Étape Brasil by Tour de France, também já fez coberturas de natação, maratona aquática, vôlei, polo aquático, Fórmula E, vela, skate e boxe, além de eventos esportivos como assessora de imprensa, relações públicas e social media.