Encontros Negros reúne histórias positivas sobre negritude

Nos dias 28 e 29 de novembro de 2023 Salvador será palco do “Encontro Agridoces: O ontem é hoje – Encontros negros para um tempo ancestral.”

Visando promover o empoderamento e o senso de pertencimento do público, a partir de uma reflexão sobre o tornar-se negro numa perspectiva ancestral, a Umbu Cultura e Comunicação promove uma serie de encontros e debates gratuitos, nos dias 28 e 29 de novembro, no Centro Cultural Solar Ferrão,. Intitulado de “Encontros negros” o projeto busca reunir histórias negras positivas e incentivar a população preta de Salvador à ocupar novos espaços na sociedade.

Estão confirmados nas mesas, nomes que contribuem em diferentes segmentos a partir do recorte racial como, os jornalistas André Santana e Luana Souza; os escritores Lívia Natália e Anderson Shon; a empresária Geo Nunes e a psicologa Amanda Henrique; e a fotografa, Amanda Tropicana e escritora paulista, Ryane Leão.

O Centro Cultural Solar Ferrão, localizado no coração do Pelourinho, será o cenário do Encontros Negros, que promove o empoderamento e o senso de pertencimento do público, a partir de uma reflexão sobre o tornar-se negro numa perspectiva ancestral.

Ao longo de mais de 10 horas de discussões intensas, os participantes conhecerão diversas perspectivas e contribuições da comunidade negra, promovendo a conscientização racial e o empoderamento. Os encontros propostos pelo projeto representam uma resposta direta à necessidade urgente de combater a desigualdade racial histórica. Ao focar na afrocentricidade e no resgate da ancestralidade, promovem-se a representatividade e a visibilidade negra.

Estes encontros também estimulam a autoestima e a consciência racial, ao mesmo tempo em que enaltecem a rica e diversa cultura afro-brasileira

Encontros negros é um projeto que visa realizar mesas de debates sobre diferentes perspectivas e contribuições da e para comunidade negra. Os debates irão transpor algumas barreiras territoriais e alcançando diferentes pessoas, via plataformas de vídeos e difundindo os respectivos conhecimentos e contribuições. O evento é uma realização da Umbu Comunicação e Cultura, com patrocínio do Governo do Estado da Bahia através da Bahia Gás e apoio do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (IPAC).

Programação
Dia 28 de novembro
10h: Conferência de abertura: O ontem é hoje
14h: Mesa 1 – Por uma comunicação mais negra; com André Santana e Luana Souza
16h: Mesa 2 – A importância de uma literatura inclusiva; com Lívia Natália e Anderson Shon

Dia 29 de novembro
14h: Mesa 3 – Autoestima e autoimagem da pessoa negra; com Geo Nunes e Amanda Henrique
16h: Mesa 4 – A arte e a religiosidade transversal; com Ryane Leão e Amanda Tropicana

Compartilhe este artigo
Segue:
A ImprensaBr é um portal de notícias que fornece cobertura completa dos principais acontecimentos do Brasil e do mundo.
Deixe um comentário