Mattmatize retorna projeto solo com single inédito com Luiza Quental

Projeto do músico Mateus “Matt” Da Silva apresenta primeira música autoral de 2024

Mattmatize está pronto para mostrar novos matizes, tons e cores de seu projeto solo, a começar pelo single “The One with the Spider”. A canção inédita é uma parceria com a cantora Luiza Quental que leva o som do músico carioca Matt Da Silva para novos territórios, aproximando-o do math rock e progressivo. O lançamento dá sequência às canções autorais de um multi instrumentista que se recusa a limitar-se a gêneros musicais, estilos ou linguagens.

Ouça “The One with the Spider”: https://ffm.to/theonewiththespider 

- Publicidade -

Conhecido por participar de bandas como Contando Bicicletas, onde exercita sua conexão com o indie rock e a música brasileira, e Bug Bite, um ousado projeto de jazz que explora seus limites, vem mostrando aos poucos o que pode oferecer enquanto artista solo. Em suas composições, explora as raízes latino-americanas, apresentando faixas dançantes e vibrantes, mesmo que, do ponto de vista lírico, estas sejam melancólicas e altamente pessoais. Essas múltiplas vertentes já apareciam, de alguma forma, nos singles “I Need My Rest” (2019) e “My Share of Waiting” (2022).

Ouça “My Share of Waiting”: https://tratore.ffm.to/myshareofwaiting 

Em ambos os casos, Matt mostrou uma profunda conexão com o seu tempo e os desejos compartilhados de toda uma geração. Enquanto na faixa de estreia, ele cantava a necessidade de descansar naquele que seria o prenúncio do fim de um período de liberdade para um de recolhimento e solidão, em “My Share of Waiting” Matt se mostrava já cansado da inércia. Em “The One with the Spider”, ele abarca outras possibilidades sonoras.

“A música foi criada a partir de um riff que escrevi anos atrás, em meados de 2014, ouvindo muito a banda de math rock TTNG (antiga This Town Needs Guns). Esse riff, que é a melodia principal na primeira metade da música, ficou na minha cabeça e nos arquivos do meu telefone durante anos até eu pensar em finalmente escrever uma música em torno dele. Esse mesmo riff inspirou o ritmo que o baixo e a bateria fazem em cima – um ritmo frenético e animado, com pausas inesperadas (muito comum no math rock)”, resume Matt.

A inspiração intensificou-se a partir desse ponto, onde a fonte de influência expandiu-se para além dos sons da TTNG, caracterizados por compassos quebrados, uma melodia vocal e uma melodia rítmica que, apesar de distintas, se complementam harmoniosamente, incluindo influências do rock progressivo evidenciadas em suas diversas seções.

- Publicidade -

“Através das minhas letras, quero compartilhar minha experiência com ansiedade, solidão, saúde mental e os altos e baixos do amor, e abordar esses temas em um som positivo e descontraído; no final, quero que soe positivo, feliz, romântico e esperançoso”, entrega Matt.

“The One with the Spider” anuncia as novas teias e conexões de Mattmatize a partir de 2024, abrindo caminho para outras novidades do músico. O single está disponível em todas as principais plataformas de streaming.

 

Compartilhe este artigo
Segue:
Editora e criadora da Rede Brasileira de Notícias. Fazendo também parte da redação do Imprensabr. Sempre com comprometimento com a imparcialidade na informação.
Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *