Saiba como cuidar da saúde ocular no verão

Oftalmologista compartilha cinco dicas para evitar problemas de visão

No verão, é crucial adotar medidas para proteger a saúde ocular. Algumas dicas incluem o uso de óculos de sol com proteção UV, o uso de chapéus amplos para sombrear os olhos, hidratação adequada e o uso de óculos de natação para proteger os olhos na água.

Segundo o Dr. Marcelo Brito, médico oftalmologista, a exposição prolongada aos raios solares pode causar diversos problemas oculares, como queimaduras na córnea, cataratas, pterígio (crescimento anormal na conjuntiva) e até mesmo degeneração macular. Os raios UV prejudiciais podem danificar as estruturas oculares ao longo do tempo, por isso a proteção é essencial.

“Os olhos devem ser protegidos do sol sempre que houver exposição solar direta, seja na praia, na piscina, durante atividades ao ar livre ou ao dirigir. Além disso, mesmo em dias nublados, os raios UV ainda podem atingir os olhos, portanto, a proteção é necessária o ano todo”, alerta o Dr. Marcelo Brito.

A síndrome do olho vermelho é uma condição na qual os olhos ficam vermelhos, irritados e podem coçar. Isso pode ser causado por várias razões, incluindo alergias, infecções ou até mesmo exposição excessiva ao sol. É importante consultar um oftalmologista se os sintomas persistirem.

Usar colírio sem a orientação de um profissional de saúde ocular pode ser prejudicial. Colírios contêm substâncias ativas e devem ser usados de acordo com a prescrição médica, pois o uso indevido pode agravar problemas oculares e mascarar sintomas de condições subjacentes.

Para finalizar, o médico compartilha 5 dicas para evitar problemas de visão no verão:

· Use óculos de sol com proteção UV sempre que estiver ao ar livre.

· Mantenha-se hidratado para prevenir o ressecamento ocular.

· Evite olhar diretamente para o sol, especialmente durante um eclipse solar.

· Use chapéus amplos para proteger os olhos da exposição direta ao sol.

· Se praticar esportes aquáticos, utilize óculos de natação para proteger os olhos do cloro e do sal.

Fonte:

Dr. Marcelo Brito

Médico Oftalmologista

CRM: 18871/RQE:415

@dr.marcelobrito

Compartilhe este artigo
Segue:
A ImprensaBr é um portal de notícias que fornece cobertura completa dos principais acontecimentos do Brasil e do mundo.
Deixe um comentário