Sobre o Voar: Estreia dia 13 de janeiro, no Teatro B32 

Criado pela autora e diretora Maristela Chelala, espetáculo infantil leva às crianças para um mergulho no universo fantástico através de uma família que tem sua rotina no sertão transformada pela extraordinária aparição de um homem com asas. A trilha sonora composta para o espetáculo é executada ao vivo.

E se numa cidadezinha tão pequenininha que parecia um carocinho lá de cima um anjo caísse do céu? No espetáculo SOBRE O VOAR, o público infantil mergulha no universo fantástico criado pela autora e diretora Maristela Chelala, em roteiro livremente inspirado em conto de Gabriel García Márquez.

- Publicidade -

No espetáculo duas atrizes e um ator se revezam em diferentes papéis, de vizinhos a romeiros, passando por turistas estrangeiros e até passarinhos que comentam os acontecimentos enquanto sobrevoam o vilarejo. Tudo isso embalado por canções originais compostas especialmente para este trabalho por Alex Huszar e executadas ao vivo pelos músicos Alex Huszar e João Rodrigues, da banda paulistana Os Amanticidas.

SOBRE O VOAR, espetáculo infantil da Companhia Qualquer de Teatro retorna aos palcos dia 13 de janeiro, em sessões aos sábados, às 15h, no Teatro B32, em São Paulo.

O Teatro B32 está localizado na Praça da Baleia, um grande espaço público, seguro, com restaurantes, café e que ainda abriga uma surpreendente escultura de Baleia de 20 metros. Um delicioso passeio de férias para toda a família.

Sinopse

Num sertão qualquer, em um certo dia, uma tempestade inesperada acontece e um homem idoso com asas desproporcionalmente grandes cai no galinheiro de uma das famílias do vilarejo. Turistas, jornalistas, romeiros e curiosos se aglomeram para ver o suposto anjo, mas uma criança é a única que se deixa verdadeiramente transformar por esse encontro.

- Publicidade -

Serviço:

SOBRE O VOAR

Direção e dramaturgia: Maristela Chelala

Elenco: Beatriz Baboghluian, Juliana Araujo e Pedro Guimarães

Música original: Alex Huszar

- Publicidade -

Músicos: Alex Huszar e João Rodrigues

Duração: 90 minutos. 

Classificação: Livre

Gênero: Infantil 

Temporada: de 13 de janeiro a 3 de fevereiro, e 17 e 24 de fevereiro, sábados, às 15h.

Ingressos: de R$ 20 a R$ 80

Ingressos online : https://feverup.com/m/147178

Bilheteria: terça a sexta (14h às 18h)

Em dias de espetáculos abre 1h antes da sessão 

Teatro B32 | 490 lugares

Avenida Brigadeiro Faria Lima, 3.732 – Itaim Bibi

Estacionamento, com valet:

Rua Lício Nogueira, 92, Itaim Bibi 

www.teatrob32.com.br

Ficha técnica – Sobre o Voar:

Direção e dramaturgia: Maristela Chelala

Assistência de direção e direção musical: Alex Huszar

Elenco: Beatriz Baboghluian, Juliana Araujo e Pedro Guimarães

Cenografia: Marcela Donato

Figurino: Silvana de Carvalho

Desenho e operação de luz: Rodrigo Damas

Cenotécnico: Jefferson Santana (Gel)

Música original: Alex Huszar

Músicos: Alex Huszar e João Rodrigues

Técnico de som: Nicholas T. Rabinovitch

Ilustrações: Vivian Evelyn Huszar

Fotos: Julio Aracack

Assessoria de imprensa: Ofélia Comunica

Sobre a diretora

A atriz e diretora Maristela Chelala é autora e diretora do monólogo Pontos de Vista de um Palhaço, indicado ao Prêmio Shell 2017 na categoria Melhor Ator. Também estrelou o monólogo Dos Prazeres, dirigido por Ivan Andrade. Ela escreveu e dirigiu o infantil O Mistério no Expresso do Oriente, versão clownesca do livro de Agatha Christie que lhe rendeu o prêmio de melhor espetáculo no Festival Cultura Inglesa e uma indicação como “Revelação” ao Prêmio Femsa pela adaptação do texto. Foi integrante do Grupo Tapa por dois anos, onde participou do projeto “Formação de Público”, em 2004. Com a Velha Companhia fez parte do elenco nos espetáculos Autor Bom é Autor Morto, Crepúsculo e Cais ou da Indiferençadas Embarcações. De 2008 a 2011, esteve no elenco de Amigos Ausentes, dirigido por Nilton Bicudo e Ivan Andrade. Também atuou em Galileu Galilei, dirigido por Cibele Forjaz, A Alma Boa de Setsuan, do diretor MarcoAntônio Braz, e A Visita da Velha Senhora, dirigido por Luiz Villaça, além de O Aniversário de Jean Lucca, com autoria e direção de Dan Nakagawa. Recentemente atuou nas montagens MEDEA, sob direção de Zé Henrique dePuala, e Banco dos Sonhos, com a Velha Companhia, ambos com temporada no Sesc Pompeia. Maristela Chelala aperfeiçoou técnicas de palhaço com o grupo La Mínima e mestres como o austríaco Andreas Simma, o argentino Payaso Chacovachi, o francês Philippe Gaullier e os brasileiros Bete Dorgam, Cristiane Paoli Quito e Ésio Magalhães. Foi professora do curso profissionalizante do Indac – Escola de Atores, de 2009 a 2020 e desde o ano passado é professora do curso livre do Centro Cultural o Andar.

Compartilhe este artigo
Segue:
Editora e criadora da Rede Brasileira de Notícias. Fazendo também parte da redação do Imprensabr. Sempre com comprometimento com a imparcialidade na informação.
Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *