Na estrada do sucesso: 5 dicas para criar uma boa plataforma de transporte

Especialista lista cuidados para quem deseja empreender em mobilidade urbana e se destacar no mercado

Quase 9 milhões de brasileiros estão desempregados, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Para driblar esse momento, muitas pessoas estão apostando no empreendedorismo e um dos setores que se destaca nessa procura é o de mobilidade urbana.

Aplicativos de transporte se tornaram uma boa alternativa tanto para quem quer trabalhar como motorista – já são mais de 1 milhão no país, segundo o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), quanto para quem busca empreender, criando seu próprio app. Um levantamento da Gaudium, empresa de tecnologia com soluções para os setores da mobilidade e logística apontou que, apenas no ano passado, plataformas de mobilidade movimentaram mais de R$ 900 milhões no Brasil.

- Publicidade -

Ricardo Góes, sócio-executivo da Gaudium, dona da Machine, software para criação de aplicativos de mobilidade e logística, cuja as plataformas de transporte de passageiros foram objetos de estudo da pesquisa citada, afirma que ainda há espaço para empreender nesse ramo e ele é promissor, mas o sucesso depende de um bom estudo de mercado antes.

“É fundamental estudar bem a região em que se pretende atuar, as necessidades locais e suas particularidades. Faça um estudo de mercado, veja o número de habitantes, os meios de transporte que existem nos municípios, pontos turísticos, concorrência, movimento e renda. Tudo isso é importante na hora de saber se vale a pena ou não empreender em mobilidade urbana naquela região”, orienta o executivo.

Para ajudar quem planeja empreender na área, Ricardo traz cinco dicas.

1- Faça uma pesquisa

Antes de começar um negócio, analise a população da cidade em que você deseja atuar. Faça uma pesquisa ou utilize pesquisas já existentes. É importante identificar se as pessoas têm dificuldades em andar de transporte público, quais tarifas acham justas, que benefícios esperam de um app e se já usam esse tipo de serviço com a concorrência. Compartilhe a pesquisa nas redes sociais, para que o máximo de pessoas respondam. As respostas ajudarão a direcionar suas decisões.

- Publicidade -


2- Entenda a necessidade dos motoristas
Depois de filtrar a região de atuação e fazer a pesquisa de mercado, é preciso entender a necessidade dos motoristas, como eles atuam, pensam, o que gostariam de ter de diferente no seu app, em relação aos outros, benefícios desejados, entre outros pontos. Levante também vantagens e desvantagens de outros aplicativos disponíveis na região. Ou seja, crie um vínculo com seus possíveis colaboradores, pois isso abrirá caminho para um bom relacionamento e
parceria.

3- Use uma boa infraestrutura de tecnologia

Para tirar a ideia do papel de forma bem-sucedida, é preciso investir em tecnologia. Um dos pontos principais na hora de criar um aplicativo de mobilidade urbana é uma boa infraestrutura de tecnologia, que ofereça segurança, estabilidade e boa operacionalidade, com recursos como geolocalização, meios de pagamento diversos, sistema de avaliação, entre outras coisas. Escolha a empresa certa para criar o aplicativo, que tenha boas conexões de parceiros e que possa dar o suporte necessário ao seu negócio.

4- Ofereça benefícios

Para diferenciar o seu aplicativo dos demais, ofereça benefícios, tanto para os motoristas, quanto para os passageiros. Faça parcerias com estabelecimentos locais e consiga descontos e promoções para seu público e colaboradores.

- Publicidade -

5- Divulgue o app

Planeje a divulgação do seu app e reserve orçamento para isso. Primeiramente, crie uma propaganda voltada para os motoristas, para se cadastrarem na plataforma. Depois, foque na divulgação para os passageiros. Peça também para os comerciantes locais divulgarem o seu serviço e como recompensa conceda a eles descontos em corridas. Não se esqueça também que a propaganda boca a boca tem poder. Por isso, garanta a qualidade do serviço, para ter boas avaliações e construir sua reputação.

Sobre a Gaudium
Gaudium, dona da Machine, é uma empresa de tecnologia criada em 2011 pelo cientista da computação Bruno Muniz e pelo engenheiro Ricardo Góes. Hoje, a startup é focada nos mercados de mobilidade e logística, e já participou de dois Programas de Aceleração Scale Up da Endeavor. Em 2022 foi eleita a 2° melhor pequena empresa para se trabalhar no Rio de Janeiro pela GPTW. Além da Machine, a empresa é dona do 55content, portal de conteúdo sobre tecnologia, negócios, mobilidade e logística.

Compartilhe este artigo
Segue:
A ImprensaBr é um portal de notícias que fornece cobertura completa dos principais acontecimentos do Brasil e do mundo.
Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *