Produtos de cooperativas da agricultura familiar baiana embarcam para Portugal

Esta sexta-feira (05/01) representa um marco na história da agricultura familiar baiana. Um container com 12 toneladas de produtos genuínos de cooperativas da agricultura familiar baiana embarcou, do Terminal de Containers do Porto de Salvador – unidade de negócios Wilson Sons, para Portugal, com o objetivo de alcançar os mercados da Europa.

A qualidade dos produtos saudáveis, de diversas regiões da Bahia, como cervejas artesanais, frutas desidratadas, pasta de castanha de caju e chocolates em pó e em barra com diferentes percentuais de cacau chegará à Portugal a partir da parceria entre a Federação das Cooperativas da Agricultura Familiar e Economia Solidária do Estado da Bahia (Federação Unicafes/BA) e a Family Farming Brasil.

- Publicidade -

O presidente da Unicafes/BA, Ícaro Rennê, falou sobre a novidade da exportação dos produtos. “Estamos enviando a riqueza e a diversidade do interior da Bahia para o mundo em mais essa inovação do Governo do Estado, que vem apoiando a nossa agricultura familiar ao longo dos anos”.

O secretário de Desenvolvimento Rural (SDR), Osni Cardoso, ressaltou a relevância dessa ação para a agricultura familiar. “Muito feliz. O mundo agora vai poder provar os nossos produtos”.

O diretor-presidente da CAR, Jeandro Ribeiro, comentou mais esse passo da agricultura familiar, que representa o sucesso do investimento do Governo do Estado em políticas públicas voltadas para o rural. “A agricultura familiar agora na Europa é uma conquista da nossa turma da agricultura e do nosso governador Jerônimo Rodrigues, que começou tudo isso”.

Uma das cooperativas que vai participar da entrega dos itens é a Cooperativa Agropecuária Mista Regional de Irecê (Copirecê), que vai enviar quatro toneladas do flocão Puro Milho, de milho não-transgênico da Copirecê. O presidente da cooperativa, Walter Ney Rodrigues, comemora a novidade. “É a primeira exportação do flocão de milho não-transgênico da Copirecê e temos consciência do sucesso que vamos fazer já que o nosso flocão é não-transgênico e os que são vendidos na Europa são transgênicos. Somos pioneiros do sucesso do flocão no Brasil e teremos bons resultados também na Europa”.

Na operação, estão sendo enviados produtos da Cooperativa de Serviços Sustentáveis da Bahia (Coopessba), Cooperativa de Produtores Rurais de Presidente Tancredo Neves (Coopatan), Cooperativa dos Produtores de Abacaxi de Itaberaba (Coopaita), Cooperativa Agropecuária Familiar de Canudos, Uauá e Curaçá (Coopercuc), Cooperativa Agropecuária Mista Regional de Irecê (Copirecê), Cooperativa de Cafés Especiais e Agropecuária de Piatã (Coopiatã), Cooperativa Mista dos Cafeicultores de Barra do Choça e Região (Cooperbac), Cooperativa dos Cajucultores Familiares do Nordeste da Bahia (Cooperacaju), Cooperativa Agropecuária do Baixo Sul da Bahia (Coopgeaf), Cooperativa Agrícola da Bahia (Coab) e Cooperativa Cacau Mata Atlântica da Bahia (Coopermata).

- Publicidade -

A previsão de chegada do container em Lisboa, Portugal, é no dia 5 de fevereiro. De lá, os produtos serão comercializados tanto em Portugal como em outros países.

Compartilhe este artigo
Segue:
Editora e criadora da Rede Brasileira de Notícias. Fazendo também parte da redação do Imprensabr. Sempre com comprometimento com a imparcialidade na informação.
Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *